Guia do Stalker

Eu te vi na padaria tomando café da manhã. Depois fomos juntos ao ponto de ônibus e descemos no metrô. Você entrou no vagão ao lado.

Quando estava na escada rolante da estação da faculdade, quem apareceu? Andamos juntos até o campus. Claro que não percebeu minha presença — ou acredito que não. Tentei olhar o nome na carteirinha, bilhete único e nada! O que fiz? Corri para o Facebook.


Isso já deve ter acontecido com você: uma pessoa chamou sua atenção, mas não deixou nenhuma pista. Neste Guia do Stalker, damos dicas para você descobrir tudo de que precisa usando apenas a internet.


NO FACEBOOK
  1. Fotos: Pelas fotos do seu ‘stalked’, você pode descobrir o círculo de amizades, lugares que costuma frequentar ou que já visitou, e outras curiosidades. Mas não se deixe enganar por imagens de perfil: ninguém posta fotos em que não sai bem.
  2. Postagens: Para um stalker atento e paciente, as publicações na linha do tempo podem dizer muito sobre estilo de escrita, personalidade com base no conteúdo que posta e a frequência com que escreve.
  3. Comentários: Não basta apenas perseguir a pessoa em si, todo o círculo de amizades é importante para um stalker profissional. Leia com atenção e aproveite para descobrir mais sobre os amigos.
  4. Amigos em comum: Se você sabe que existe laços entre vocês, tudo fica mais fácil. Basta entrar no perfil do seu amigo e, caso saiba o nome de seu “procurado”, buscar. Do contrário, olhe a lista toda e torça para ele não ter mil amigos.
  5. Grupos: Acessar o coletivo de determinada faculdade, por exemplo, é uma alternativa para encontrar alguém, cuja única informação que você possua seja curso ou local de estudo.
ALTERNATIVAS

Google

Digamos que você tenha se interessado por alguém na faculdade e as únicas informações que possui sobre a pessoa são seu primeiro nome e curso: fácil.

Tente procurar usando a fórmula “nome + curso + lista da sua universidade no Tumblr”. Caso a pessoa já tenha aparecido na página, você poderá encontrá-la, conseguir o nome completo e, claro, stalkear no Facebook.

Instagram

O primeiro passo é torcer para que o moço ou a moça utilize nome e sobrenome. Caso tenha um nickname diferente, vai demorar um pouco mais para achar —nada impossível.

Procure pela inicial do primeiro nome + sobrenome e comece a fazer as combinações até encontrar. Se o perfil for bloqueado, assuma a ‘responsa’ e mande uma solicitação para seguir.

Te vi na ‘facul’

Diversas instituições têm páginas do tipo ‘Te vi’ ou ‘Spotted’ no Facebook. Basta descrever o seu “alvo” em uma mensagem privada para a fan page e, depois, esperar para que ela divulgue o texto de forma anônima.

Com base na sua descrição, conhecidos do aluno pelo qual você procura informam quem pode ser a tal pessoa, mencionando-a nos comentários. É como um correio elegante online.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

HTML básico é permitido. Seu endereço de e-mail não será publicado.

Assine este feed de comentários via RSS

%d blogueiros gostam disto: